Conhecendo o Elevador Lacerda

05/09

Dois andares dividem a cidade. Riqueza histórica, cultura e belas paisagens e monumentos são facilmente encontrados em qualquer direção. Para acessar a parte de cima, um equipamento que virou cartão postal de Salvador. Cidade Alta e Cidade Baixa são unidas pelo Elevador Lacerda.

 

Um dos grandes símbolos da capital baiana, o Elevador Lacerda começou a ser construído em 1869 e foi inaugurado em 8 de dezembro de 1873. Primeiramente recebeu o nome de Elevador Hydraulico da Conceição da Praia, por estar localizado próximo à Igreja de Nossa Senhora da Conceição. Com apenas uma torre, era popularmente chamado de Elevador do Parafuso.

 

A idealização da obra que iria construir o primeiro elevador do mundo a servir de transporte público e o mais alto desse tipo foi do empresário Antônio de Lacerda, que contou com a ajuda técnica do seu irmão engenheiro, Augusto Frederico de Lacerda, e financeira do seu pai, Antônio Francisco de Lacerda.

 

Em 1896, o Elevador passou a se chamar Elevador Antônio de Lacerda, por indicação do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia. Em 1906, foi reformado para adotar um sistema elétrico e sua torre tornou-se mais larga, na base. A segunda torre (a que se projeta para frente) foi inaugurada em 7 de setembro em 1930.

 

O equipamento, muito usado diariamente por nativos e turistas, liga a Praça Thomé de Souza, na Cidade Alta, à Praça Cayru, no bairro do Comércio, na Cidade Baixa. A viagem é rápida, cerca de 22 segundos, mas o gostinho de reviver esse período histórico fica para sempre.

 

Gostou da história do Elevador Lacerda e quer conhecê-lo pessoalmente? Venha para Salvador e hospede-se em um de nossos hotéis no Caminho das Árvores. A rede Business & Flat possui os melhores serviços e comodidades para melhor atendê-lo(a).

 

Mais informações:

Distância do Iguatemi Business Flat para o Elevador Lacerda – 12,9 km (cerca de 28 min.)

Valor do Uber do Iguatemi Business Flat para o Elevador Lacerda – entre R$ 25 a R$ 34.